Operação da PM prende 17 homens por violência doméstica em Campo Grande

Foto: Reprodução/Imagem ilustrativa
Foto: Reprodução/Imagem ilustrativa

A Polícia Militar do Estado de Mato Grosso do Sul deflagrou a “Operação Ísis” na madrugada desta quarta-feira (15), e cumpriram 17 mandados de prisão contra envolvidos em casos de violência doméstica em Campo Grande.

No total, havia 26 ordens judiciais na ação que contou com 150 policiais militares participaram da ação, divididos em 40 equipes. Entre os alvos da operação estão um policial militar aposentado e um guarda civil metropolitano.

De acordo com o art. 5º da Lei Maria da Penha, violência doméstica e familiar contra a mulher é “qualquer ação ou omissão baseada no gênero que lhe cause morte, lesão, sofrimento físico, sexual ou psicológico e dano moral ou patrimonial”.

Operação Ísis

A operação Ísis faz referência a Lei nº 5.202, de 30 de maio de 2018, que instituiu no calendário oficial do Estado o dia 1º de junho, como Dia Estadual de Combate ao Feminicídio. A data lembra a morte da jovem Isis Caroline, ocorrida em 1º de junho de 2015 – primeiro caso de feminicídio registrado no Estado, após a vigência da Lei 13.104/2015 (Crime de Feminicídio).

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.