PM amplia a fiscalização nos bairros com maior índice de criminalidade da Capital

polícia rua
Imagem: Reprodução/Divulgação/PMMS
Primeiro dia de diligências terminou com 3 presos e 29 tabletes de maconha apreendidos

Por Brenda Leitte – Jornal O Estado MS

A Polícia Militar de Mato Grosso do Sul, por meio do CPM (Comando de Policiamento Metropolitano), deflagrou na última quinta-feira (4) a Operação Pontual em diferentes bairros de Campo Grande. A ação ocorrerá durante todo o mês de agosto, abrangendo as sete regiões urbanas, com destaque para as áreas de maior incidência de criminalidade e ocorrências.

Fazendo parte da estratégia de ações para o aumento do policiamento preventivo e ostensivo, a operação ocorrerá em dias e horários destacados pelos comandantes das Unidades Operacionais que integram a segurança de Campo Grande.

De acordo com o comandante do policiamento metropolitano, coronel Emerson de Almeida Vicente, os pontos de ação foram direcionados de acordo com a mancha criminal de cada região urbana da Capital, considerando os registros de ocorrências e fatores que podem potencializar a prática delituosa.

“O objetivo é o de intensificar o policiamento e, consequentemente, diminuir as práticas criminais, como o porte ilegal de armas de fogo, roubos, furtos e homicídios também”, ressaltou o coronel Almeida.

A identificação do uso ou tráfico de entorpecentes compõe o que busca a operação, além de circulação de pessoas foragidas da Justiça, bem como quaisquer outros atentatórios à vida ou ao patrimônio da sociedade.

No primeiro dia de fiscalização, as equipes percorreram a região urbana do Prosa, onde residem mais de 82 mil habitantes, e foram fiscalizados os bairros: Novos Estados, Estrela Dalva, Mata do Jacinto, Margarida, Carandá Bosque, Autonomista, Santa Fé, Chácara Cachoeira, Veraneio, Noroeste, Chácara dos Poderes, entre outros.

O nome da operação foi escolhido pela maneira pontual e precisa com que a ação foi estruturada, sendo ela desenvolvida ao longo do mês de agosto com sete abordagens em dias e horários pré-programados. O CPM empenhará todos os recursos disponíveis, além do apoio das Unidades Especializadas: Batalhão de Trânsito e das equipes do Batalhão de Choque.

Primeiro dia de atividades

A operação na região do Prosa, na quinta-feira (4), prendeu três pessoas, sendo duas por tráfico de drogas e outra por receptação de aparelho celular furtado. Empregadas 10 viaturas, com 20 policiais, foram abordadas 95 pessoas e 12 veículos.

Na Vila Margarida, policiais abordaram dois indivíduos próximo a um veículo, na Rua do Tesouro. O abordado, de 34 anos, foi identificado como portador de um celular LG K61. O aparelho pertencia a uma vítima, que teria sido assaltada no dia anterior, próximo do local da abordagem. Diante do flagrante, o homem foi preso por receptação.

A equipe também vistoriou um ônibus com saída de Campo Grande-MS e destino a Goiânia-GO, onde uma menor de idade, de 17 anos, foi apreendida transportando 29 tabletes de substância análoga a maconha, pesando 22,500 kg. A jovem, que reside em Rondonópolis, Mato Grosso, confessou à PM que foi contratada pela tia, e que receberia R$ 2 mil após a entrega.

Durante ação na rotatória da Via Parque, na Avenida Mato Grosso, um veículo GM Classic de cor preta foi abordado. Nele estava um homem, de 36 anos. Em revista veicular foram encontradas várias porções de cocaína em papelotes, totalizando 42 trouxinhas da droga. Também foram encontrados R$ 189,00 em espécie. Foi dada voz de prisão ao autor, que confessou à PM ter acabado de receber o dinheiro.

Leia a edição impressa do Jornal O Estado MS.

Acesse também as redes sociais do Estado Online no Facebook Instagram.

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.