Pastora é assassinada a tiros por ex-marido

Rose Meire Fermino de Andrade Mendonça, 48 anos, foi morta a tiros pelo ex-marido, na noite desta terça-feira (27), dentro de uma igreja, em Aquidauana – distante a 125 quilômetros de Campo Grande. O suspeito foi identificado como Carlos Alberto Mendonça, de 58, e assassinou a ex-companheira durante um culto evangélico.

Segundo informações apuradas, a vítima era pastora da igreja e participava de um culto, quando foi surpreendida pelo suspeito durante a pregação. O homem já entrou no local armado e passou a atirar na mulher, que foi atingida por três, dos quatro tiros efetuados por ele. Carlos fugiu logo após os disparos e foi encontrado durante a madrugada desta quarta-feira (28). Rose Meire chegou a ser socorrida, mas não resistiu aos ferimentos e morreu antes de chegar ao hospital.

A Polícia Militar foi acionada e passou fazer buscas pelo suspeito, que foi encontrado horas depois pelo filho, tentando se matar dentro de uma garagem, nos fundos da igreja, onde cometeu o feminicídio. Carlos cravou uma faca no peito, mas foi socorrido e levado ao Hospital Regional de Aquidauana.

Sem apresentar gravidade, o homem foi atendido e liberado, após a alta médica foi preso em flagrante e encaminhado a Delegacia de Polícia Civil. O suspeito afirma que assassinou a ex-esposa motivado por ciúmes e que emprestou dinheiro para comprar a arma usada no crime. O caso foi registrado como feminicídio e está sendo investigado. (Texto: 30Graziella Almeida)

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.