Funcionárias do IBGE são assaltadas durante pesquisa do Censo 2022

O IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) faz primeiro teste preparatório do Censo Demográfico 2022, na Ilha de Paquetá, no Rio de Janeiro.
Foto: Tânia Rego/Agência Brasil

Um supervisora e uma recenseadora do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) foram vítimas de assalto no fim da tarde desta quinta-feira (04), enquanto realizavam pesquisa do Censo 2022 no bairro Coophatrabalho, em Campo Grande.

De acordo com com o boletim de ocorrência, as duas estavam na rua Murici quando foram abordadas por dois suspeitos em uma moto. O passageiro da moo apontou uma arma na direção da supervisora e roubaram um tablet, que pertence ao Governo Federal e um celular de uso pessoal.

Após o roubo eles empurraram a vítima para dentro do salão onde estava a recenseadora no momento em que realizavam as pesquisas e também furtaram tablet do Governo e o celular da mulher. Eles fugiram em seguida a ação.

Equipes da polícia compareceram ao local e investigaram que no local não há câmeras de segurança. Em depoimento as funcionárias descreveram a aparência dos autores do crime e observaram que após empreender fuga seguiram na direção da avenida Café Filho.

O caso foi registrado na Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) do Centro como roubo majorado se a violência ou ameaça é exercida com emprego de arma de fogo. A policia continua a busca pelos suspeitos.

O Censo de 2022 começou nesta segunda-feira (01) e são 5.516 recenseadores treinados com o objetivo de visitar cerca de 900.000 mil domicílios em Mato Grosso do Sul e 290 mil em Campo Grande.

O Censo realiza pesquisas estatísticas em todos os domicílios do país com o objetivo de coletar dados sobre gênero, raça, escolaridade, modo de vida, saneamento, renda, entre outras informações. De acordo com o Coordenador de Divulgação do Censo de Mato Grosso do Sul, Fernando Galina, o Censo permite mapear as realidades brasileiras.

Acesse também as redes sociais do Estado Online no Facebook Instagram.

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.