Cores, tendências e modelagens da moda inverno 2021

Moda

Os clássicos invernais com cores sóbrias, couro, botas e tricô seguem firmes, mas ganham um complemento das cores vibrantes características da primavera

O inverno chegou e é hora de falarmos sobre as tendências para este período do ano. A estratégia de investir em peças da moda é perfeita para quem quer montar looks atuais e cheios de estilo. Apesar de ser uma das estações mais esperadas do ano e que carrega consigo uma paleta de cores conceituada, em 2021 os clássicos invernais com cores sóbrias, couro, botas e tricô seguem firmes, mas ganham um complemento das cores vibrantes características da primavera, que desta vez, traz um ar de descontração e alegria para a época mais fria do ano.

A consultora de imagem Larissa Almeida, 34 anos, revela que sem dúvidas, a peça predominante neste inverno é o colete de tricô, que alia conforto e estilo. Considerado ultrapassado e até bem pouco tempo estava restrito ao guarda-roupa das nossas avós, ganhou os corações de quem quer manter o estilo neste período.

“As estampas xadrezes, principalmente pied-de-poule e vichy, também estão muito presentes, principalmente nos blazers alongados e sobretudos, outra grande tendência. Ao mesmo tempo em que os comprimentos longos estão bombando, os tricôs cropped com gola alta e manga bufante também estão fazendo sucesso”, explica a especialista. 

Nas calças, as modelagens wide leg, que se parecem com a pantalona mas tem as pernas um pouco menos amplas, conquistaram as mulheres. “Estão sendo muito usadas com tênis Nike Air Jordan ou botas estilo Chelsea, que tem aquele elástico lateral e cano curto. O conforto é cada vez mais uma prioridade”, enfatiza. 

Nesta estação, a aposta da consultora de imagem é o colete de tricô, tantos os lisos quantos os xadrezes. Segundo ela, é uma peça estilosa e confortável, além de ser perfeita para a grande variação de temperatura que temos no inverno, com manhãs mais frias e tardes mais quentes.

“O colete pode perfeitamente aquecer por baixo de um casaco mais pesado ou ser usado por cima de uma camisa branca de algodão quando a temperatura estiver mais amena. Vai do jeans à alfaiataria, é super versátil”, afirma.

Para acabar com o hábito de que no inverno os looks devem ser preto, a especialista pontua que é possível apostar em acessórios coloridos. “Eu sempre indico começar aos poucos, inserindo cores, por exemplo em um cachecol, lenço, brincos ou bolsa. Uma blusa de tricô também é uma boa opção para investir no colorido. Neste inverno, os tons terrosos como caramelo e telha estão super em alta, assim como o pink e o verde limão, que vieram em tonalidades vibrantes”, aconselha. 

Na moda sem gastar muito

Mais importante do que investir em peças que estão “na moda”, é adquirir peças de qualidade e atemporais, que não estragarão fácil e estarão sempre em alta, como um bom blazer xadrez, camisa branca de algodão e calça reta em alfaiataria. 

“Vale investir em cores universais, que estão sempre presentes nas coleções porque combinam a maioria dos tons de pele, como cinza fendi, azul marinho e marsala”, ensina.

Mas se quiser comprar aquelas roupas que estão bombando, como foi o caso do tie dye no início da pandemia, a consultora indica as lojas fast fashion, tipo Renner e C&A, especializadas em trazer as últimas tendências em tempo recorde e com preços acessíveis. 

“Garimpar nos brechós, que costumam ter preços bem abaixo das lojas tradicionais, e estão ganhando cada vez mais mercado, também é uma ótima opção”, conclui. 

Mesmo no inverno, óculos são aliados na hora de se produzir

No inverno os óculos funcionam como aliados para um look perfeito. Lentes degradês, por exemplo, continuam em alta mesmo na estação mais fria do ano. A afirmação é do consultor de estilo e visagismo da Oculum, Hugo Cabral. Ele garante que algumas cores garantem looks com mais interessância mesmo nos dias mais cinzas. “Como os dias invernais são de menos sol e claridade, a dica é apostar nos tons tartaruga, preto e bordeaux (bordô)”, sugere.

Para que tudo não fique escuro, de acordo com o consultor, a dica é usar lentes que sejam degradês ou até mesmo claras. “Com essa dualidade de escuro no frame e claro nas lentes, é possível estar sempre arrumada e transitar em qualquer ambiente”, explica.

Entre as apostas para a estação estão os óculos da Tom Ford, com modelos de acetato bem robustos e com a cartela de cores predominantemente marrom. Outra aposta do consultor para as mulheres são os óculos da grife Salvatore Ferragamo que, assim como na coleção de sapatos, transmite em seus óculos uma presença forte de bordô e preto.

Para os homens, a sugestão vem da marca Ermenegildo Zegna, que trabalha com tonalidades de couro e verde musgo. “Uma elegância invernal sem comparação”, resume o visagista.

Cabral afirma, ainda, que, além da questão estética, é preciso se preocupar com a saúde ocular. “Mesmo no inverno, nos dias mais fechados, o alcance da radiação solar varia entre 60% e 70%. Logo, é indispensável a utilização de bons óculos de sol”, recomenda o especialista.

(Bruna Marques)

Veja mais:

Ju Souc e Jerry Espíndola lançam nova música

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *