Recuperação da BR-060 podem custar R$ 20,8 milhões

O edital prevê recuperação de dois subtrechos da BR-060. O primeiro tem 33,9 quilômetros de extensão e contempla o entorno de Campo Grande, desde o entroncamento com a MS-080, na saída para Rochedo, até o encontro com a BR-262, em Indubrasil, saída para Aquidauana.

O segundo subtrecho soma 138,2 quilômetros, começa na saída para Sidrolândia, ao fim da Avenida Gunter Hans, e segue até o entroncamento com a MS-166, próxima a Nioaque onde conecta Maracaju a Antônio João.

A contratação estima serviços de conservação rotineira, como tapa-buracos, remendos, limpezas de sarjetas e bueiros, capina e roçada, pintura de faixas e destocamento de árvores. A empresa vencedora do certame também deverá fazer correção preventiva periódica de defeitos por fresagem e aplicar micro revestimento a frio.

o aviso de licitação foi publicado na edição desta terça-feira (20) do DOU (Diário Oficial da União). O certame será realizado no próximo dia 4 de setembro, na modalidade pregão eletrônico. Vence a empresa que apresentar menor preço e se adequar às demais exigências do edital.

Em Mato Grosso do Sul, a BR-060 começa na ponte sobre o Rio Apa, em Bela Vista, fronteira do Brasil com o Paraguai; e termina em Chapadão do Sul, na divisa com o estado de Goiás. O prazo estimado de execução dos trabalhos é de 720 dias, contados a partir do recebimento da primeira ordem de serviço. (Da redação)

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.