Prefeitura abre nova licitação para reforma do Centro Belas Artes

Divulgação/PMCG
Divulgação/PMCG

Nesta quarta-feira (13), a Prefeitura de Campo Grande lançou um edital para retomar e concluir as primeiras obras no Centro de Belas Artes, projeto lançado em 2010 no prédio que foi construído ainda nos anos 90. Nesta etapa, a prefeitura prevê dar funcionalidade a 28% de toda a área da estrutura.

Se a obra não for retomada, de acordo com o secretário Municipal de Infraestrutura e Serviços Públicos, Rude Fiorese, a Prefeitura teria que devolver ao Ministério do Turismo, aproximadamente R$ 10 milhões, em valores corrigidos.

O projeto foi readequado pelos arquitetos da SISEP (Secretaria Municipal de Infraestrutura e Serviços Públicos) com intervenções no subsolo, onde, em princípio, poderá funcionar o Arquivo Histórico Municipal e o 1º andar, que poderia abrigar a Secretaria de Cultura e Turismo.

No subsolo, há espaço para o acervo  do arquivo municipal e biblioteca. No 1º andar estão previstas salas de dança;  duas salas de multiuso (uma delas com 650 lugares) e um auditório  com 124 lugares.

O projeto contempla ainda um pórtico de entrada, uma estrutura para separar a parte que será reformada do restante do prédio inacabado, pavimentação do pátio e base de apoio da Guarda Municipal.

Parceria Público-Privada

Junto com a conclusão desta primeira etapa do Belas Artes, a Prefeitura vai trabalhar na construção de uma parceria público-privada que garanta a conclusão e o aproveitamento do restante da estrutura (11.642,67 metros quadrados). Acesse também: Carteira de vacinação também está disponível no aplicativo MS Digital

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.