Desde março Procon-MS emitiu 145 notificações

A equipe de fiscalização da Procon-MS (Superintendência para Orientação e Defesa do Consumidor) contabilizou, entre os meses de março e setembro, o registro de 145 notificações contra agências bancárias de todo o Estado. Tais multas totalizaram um montante de R$ 1.357.610,91 ou 42.545 unidades fiscais.

Destaque com o maior número de infrações, 29 foram obtidas pela Caixa Econômica Federal, que deverá arcar com o pagamento de R$ 317.495,61 em multas. De acordo com a superintendência, os principais problemas identificados foram os relacionados ao descumprimento à legislação estadual que determina atendimento prioritário a gestantes, nutrizes, idosos, pessoas com necessidades especiais e portadores de autismo.

Além da Caixa Econômica, o banco Santander obteve 26 infrações que somaram multas no valor de 8.030 Uferms, ou seja, R$ 256.237,30. Além disso, o Bradesco obteve 23 multas que corresponderam a 7.180 Uferms ou R$ 229.113,80.

Confira a notícia aqui, em nossa versão digital

(Texto: Michelly Perez)

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *