Depois de 4 horas, sequestrador é morto

sequestrador
Crédito: divulgação

Depois de quatro horas do sequestro de ônibus no Rio de Janeiro na manhã desta terça-feira (20), William Augusto Nascimento, 20 anos, foi atingido e morto por um sniper (atirador de elite). A apreensão e bloqueio na ponte Rio-Niterói, teve mais de 80 KM de congestionamento. Próximo às 09h da manhã, horário de Brasília, foram criados retornos no sentido Niterói- Rio, mas ainda não havia no sentido contrário a não ser o que motociclistas se uniram para abrir a passagem. O próprio sequestrador liberou mais cedo seis pessoas, incluindo uma grávida. mas o marido da mesma ficou dentro do veículo.

Os números dos passageiros foi confirmado em 37. Inicialmente divulgaram 18, depois 37 pessoas.   Mais cedo foram relatados tiros e a confirmação que o sequestrador foi atingido por um sniper na perna, em seguida a informação foi que ele não resistiu e morreu. Agora há pouco, Fontes locais, informaram que foram de seis a sete tiros na perna.

Passageiros relataram que ele os amarrou, mas que agia tranquilamente. A Polícia anunciou mais cedo que o sequestrador tinha se identificado como Policial Militar portava faca e arma de choque. A arma que utilizava até o momento foi anunciada como de brinquedo.

Ônibus era de São Gonçalo para o Rio de Janeiro.  (Rafael Belo) Informações atualizadas às 10h.

Leia mais sobre aqui> https://oestadoonline.com.br/2019/08/20/bolsonaro-contrasta-onibus-174-e-sequestro-rio-niteroi/

Veja fotos de dentro do ônibus aqui> https://oestadoonline.com.br/2019/08/20/veja-fotos-de-dentro-do-sequestro-do-onibus-no-rio/

Veja aqui conclusão da Coletiva de Imprensa.

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.