UFMS amplia 5% das vagas para estudantes

UFMS
Divulgação

O movimento da SED (Secretaria de Estado de Educação), MEC (Ministério da Educação) e da UFMS (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul) ampliaram em 5% o número de vagas ofertadas nas universidades públicas do Estado. São 5.525 vagas em todo o território sul-mato-grossense.

Nesta quinta-feira (9), o reitor da UFMS Marcelo Turine divulgou algumas novidades em relação ao aumento do número de alunos. Na ocasião, ele certificou que o ensino híbrido não reduz a qualidade de formação dos estudantes.

Segundo ele, o Plano Nacional de Educação plantou estratégias para aumentar a inclusão de jovens no ensino superior. Em resposta, os coordenadores de cursos da UFMS concentraram em criar mais vagas para alunos. ”Os cursos com 50 vagas aumentaram para 60, enquanto os espaços nos cursos disponíveis para 30 alunos, aumentaram para 40 ”, exemplificou Turine.

”Continuamos com processos de inclusão positivos, como o vestibular UFMS e o PASSE (Programa de Avaliação Seriada Seletiva), que fideliza os alunos do ensino médio para que eles entrem numa universidade,” completou o reitor. São 20% das vagas dos cursos de graduação reservadas para as escolas.

Turine não deixou de lembrar que o Sisu (Sistema de Seleção Unificada) tem um espaço importante nessa adesão. ”Também foi aprovado no conselho que, sobrando vagas no vestibular e do PASSE, a prioridade é para quem aguarda alguma vaga na fila do Sisu”.

”Outro processo seletivo implantado é o QUERO SER UFMS, para caso haja vagas disponíveis, seja beneficiado quem fez o ENEM (Exame Nacional do Ensino Médio) nos último 5 anos. Então, são várias ferramentas para que os alunos tenham a oportunidade de entrar em uma universidade pública de qualidade.” concluiu.

A UFMS já recebe inscrições para o Vestibular 2022 (R$ 120) e para o Programa PASSE 2021. O prazo segue até 8 de novembro. Você confere mais informações sobre os programas na edição do jornal impresso de amanhã, sexta-feira (10).

Acesse também: Mato Grosso do Sul está prestes a alcançar imunidade coletiva

(Com informações do repórter Clayton Neves)

Mais notícias no Jornal Impresso

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.