Em 2021, Procon estadual aplicou mais de R$ 9 milhões em multas

Assessoria/Procon-MS
Assessoria/Procon-MS

O Procon-MS (Superintendência para Orientação e Defesa do Consumidor) divulgou nesta quarta-feira (15) um relatório sobre o trabalho do órgão em 2021 em relação a quantidade de multas aplicadas em estabelecimentos desde o início de 2021 até o dia oito de dezembro, notando um crescimento de 105% nos casos em relação ao ano anterior. No ano em curso, o total de multas atingiu o valor de R$ 9.351.255,36, segundo o órgão público.

De acordo com o levantamento, no ano passado foram aplicadas 404 punições enquanto até o início do mês de dezembro em curso, foram 832 multas. O setor da economia lidera no número de processos (209), resultado que está relacionado a bancos. Na sequência, com 9,3% do total de penalizações estão empresas no ramo alimentício, tais como mercados e supermercados. Nesse caso foram aplicadas 78 multas.

Também no ranking  das cinco maiores transgressoras, constam empresas de  assessoria financeira (4,3%) com 36 processos ou 11.400 Uferms, o que resulta em R$ 492.936,00. Os postos de combustíveis se posicionam na sequência, ou seja, na quarta colocação. Em relação ao setor, foram 31 processos somente este ano. A quinta posição ficou para linhas aéreas com 31 notificações.

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.