Comitê Estadual de Saúde emite alerta sobre covid-19

Comitê Estadual do Fórum do Judiciário para a Saúde emitiu um alerta nesta terça-feira (20) à população de Mato Grosso do Sul para ficar atenta às medidas de prevenção do novo coronavírus. Para os membros do Comitê, apesar da queda do número de mortes por conta da covid-19, a pandemia ainda continua e seguir as normas de biossegurança é importante para diminuir o aumento expressivo de casos de infecção.

Representantes do Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul, Ministérios Públicos Estadual e Federal, Defensoria Pública e outras 13 entidades convocam toda a população para manter às medidas de distanciamento social previstas nos Decretos Estadual e Municipais.

“Fiquem em casa e, quando precisarem sair, usem sempre máscara de proteção facial. Em especial, neste período de campanha eleitoral e que antecede a celebração do Dia de Finados, no dia 2 de novembro, e das Eleições Municipais 2020, programadas para o dia 15 de novembro”, alertou por meio de nota.

O texto continua, o Comitê pede para que os cuidados de prevenção sejam intensificados e que as pessoas evitam a participação em eventos que causem aglomeração. “Tanto para o comparecimento nas urnas, como também demais situações que necessitam a permanência conjunta com demais pessoas, observem sempre a distância segura de no mínimo 1,5m entre as pessoas, seja nas filas ou outros locais; permaneçam atentos às medidas de higiene e etiqueta social e demais medidas recomendadas pelas autoridades sanitárias”.

Durante a nota, os representantes ainda lembram da campanha nacional de multivacinação do Ministério da Saúde e alertam aos pais que levem os filhos aos postos de vacinação até o dia 30 de outubro para atualizar a caderneta de vacinação de crianças e adolescentes menores de 15 anos. “Lembrando que a imunização é a única maneira de garantir que doenças, antes erradicadas, não voltem”, continuou o alerta.

Para o Comitê a única forma de vencer a covid-19 é seguindo todas as recomendações de prevenção: “Cumprir com responsabilidade social as recomendações das Autoridades Sanitárias é fundamental para a superação da Pandemia de Covid-19 e evitar que o Estado de MS enfrente uma nova onda preocupante de elevação acentuada do número de infectados”, finalizou o alerta.

Veja mais:

Argentina ultrapassa marca de 1 milhão de casos de covid-19

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.