Marquinhos Trad anuncia fim de limitação em estabelecimentos e eventos

biossegurança

Nova medida vai dar liberdade para cada setor cobrar o passaporte de vacinação

A Prefeitura de Campo Grande vai revogar os decretos de lotação em estabelecimentos, templos e eventos na cidade, criados para conter o avanço da COVID-19. O anúncio foi feito pelo prefeito Marquinhos Trad, nesta quinta-feira (16), após uma reunião com representantes de vários setores, entre eles, a CDL (Câmara de Dirigentes Lojistas). A revogação dos decretos deve ser publicada nesta sexta-feira (17), valendo na segunda-feira (20).

Marquinhos adiantou para a reportagem do O Estado Online que o decreto também vai dar liberdade para cada setor cobrar o passaporte de vacinação na entrada, já que o documento será apoiado pela Prefeitura. Segundo ele, será um “decreto de bom senso”.

”Esse é o novo normal. Mas, as pessoas precisam continuar usando máscara, manter o bom senso e o distanciamento”, disse.

Portanto, as novas medidas não vão interromper as fiscalizações para evitar a superlotação. “Se no local cabe 80 pessoas, não coloque 100”, pediu. O prefeito garantiu ainda que se houver outra onda de casos por COVID-19, novas restrições serão adotadas.

Sobre o passaporte, o prefeito destacou que a implantação da medida caberá aos organizadores de eventos. “Ele [organizador do evento] entendendo que há necessidade do passaporte, assim o fará, sem interferência do Executivo”, disse.

A entrevista completa com o prefeito Marquinhos Trad pode ser vista aqui.

Mais informações sobre a revogação dos decretos podem ser conferidas na edição impressa desta sexta-feira do O Estado MS.

(Com informações da repórter Rosana Lemes)

(Matéria atualizada às 12:06 para acréscimo de informações)

Mais notícias no Jornal Impresso

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *