Polícia investiga motivo de deslizamento de terra em Recife

Equipes do governo de Pernambuco e especialistas técnicos estão apurando o que causou o deslizamento de terra em Recife, que matou sete pessoas e feriu três, na última terça-feira (24).

Eles vão auxiliar a Polícia Civil, que abriu inquérito para apurar a suspeita de que o rompimento de tubulações da Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa) tenha provocado a tragédia.

A Secretaria de Infraestrutura de Pernambuco informou que está investindo R$ 200 milhões para monitorar os morros da região metropolitana do Recife.

Segundo o governo estadual, a Secretaria de Desenvolvimento Social de Pernambuco está prestando assistência às famílias dos falecidos e às demais vítimas. Os sete feridos foram levados para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Nova Descoberta e para o Hospital da Restauração.

O deslizamento derrubou duas casas no alto do morro. A Defesa Civil interditou cinco imóveis próximos e orientou as famílias a deixarem o local.

(Texto: Izabela Cavalcanti com informações da Agência Brasil)

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.