Colheita de soja e plantio do milho são concluídos em Mato Grosso do Sul

Safra
Foto: Divulgação/ Governo do Estado de MS

Segundo o Boletim 452/2022 do Projeto SIGA/MS (Sistema de Informações Geográficas do Agronegócio), divulgado na tarde de ontem (13), a colheita da soja foi concluída em todas as lavouras de Mato Grosso do Sul. Os números totais da safra só serão liberados no fim do mês, segundo o presidente da Aprosoja (Associação dos Produtores de Soja), André Dobashi.

Com um aumento de 7% em relação a 2022/2021, a estimativa de área plantada da soja chegou a 3,776 milhões de hectares, e a produtividade esperada é de 50,60 sacas por hectare gerando expectativa de produção de 11,464 milhões de toneladas. “Tivemos perdas acima de 60% em algumas lavouras, outras nem foi possível colher. O cenário de estiagem nos meses de dezembro, janeiro e fevereiro prejudicou muito as lavouras de soja”, comentou Dobashi.

A estimativa de perda na produção é de 2 milhões de toneladas, devido à estiagem que afetou severamente regiões como o Sul e Sudoeste, que concentram grandes lavouras. O secretário da Semagro (Secretaria de Estado de Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Produção e Agricultura Familiar), Jaime Verruck, comentou sobre a produção do milho. “A expectativa, agora, é com relação ao milho. Por enquanto está chovendo bastante e tem previsão de que as chuvas fiquem também abaixo da média nos próximos três meses, o que não é bom para o desenvolvimento da planta” disse o secretário.

Foto: Divulgação/Boletim SIGA

O plantio do milho também foi finalizado, com uma área estimada de 1,992 milhão de hectares para esse ano, uma retração de 12,6% em relação a safra passada. A produtividade estimada é de 78,13 sacas por hectares e produção de 9,34 milhões de toneladas.

Com informações da Semagro.

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.