MS tem 1 caso provável de hepatite misteriosa e 4 casos descartados

Hepatite Misteriosa
Foto: Divulgação/SES

O Ministério da Saúde informou que apura um caso provável de hepatite misteriosa em MS. A descoberta veio na semana passada e outros 4 casos foram descartados ao longo dessa semana. A doença, que tem sido investigada em países da Europa e nos Estados Unidos, pode ter relação com o subtipo 41 do adenovírus, mas a causa ainda não foi descoberta.

O primeiro caso provável da doença no Brasil foi confirmado em Ponta Porã (MS). A paciente é uma jovem de 16 anos. Segundo o ministério, para o diagnóstico, existe um protocolo que elenca três estágios para os casos: o primeiro é suspeito, o segundo é provável e o terceiro é confirmado.

O Ministério também informou terça-feira (7) que apura um caso suspeito da hepatite fulminante de origem desconhecida em crianças em Minas Gerais e que 69 episódios estão em investigação. Outros 36 foram descartados.

Os primeiros casos da doença foram diagnosticados em crianças na Europa e se concentravam no Reino Unido. Segundo balanço divulgado pela Organização Mundial da Saúde (OMS) no último dia 29, a doença matou nove crianças e foram registrados 650 casos prováveis no mundo.

O que é a hepatite? 

A hepatite é a inflamação do fígado. Os sintomas da hepatite misteriosa são sintomas gastrointestinais, incluindo dor abdominal, diarreia, vômitos, e icterícia (quando a pele e a parte branca dos olhos ficam amareladas). A doença atinge principalmente crianças de um mês a 16 anos.

 

Acesse também as redes sociais do O Estado Online no Facebook Instagram.

 

 

 

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.