Após “dancinhas” de vereadores viralizarem, Câmara Municipal aprova mudança no regimento interno

camila jara carlao tiago vargas
Arte: O Estado Play

Todo mundo gostou da farra – pelo menos nas redes sociais –, mas a falta de decoro “falou” mais alto. O dia de hoje (30) foi de mudança no regimento interno da Câmara Municipal de Campo Grande, que aprovou em caráter de urgência uma resolução para “adequar” o regimento interno da Casa de Leis, punindo assim parlamentares que praticarem “atividades diversas das atribuições de parlamentar” – no caso, as “dancinhas”.

Isso aconteceu após dois vereadores da Capital – Tiago Vargas (PSD) e Camila Jara (PT) – postarem vídeos divertidos nas suas redes sociais ao melhor estilo das coreografias virais do Instagram e TikTok. O povo até que gostou da brincadeira do “remelexo” em prol dos likes, gravados onde acontecem as sessões parlamentares. Os vídeos foram filmados após o expediente plenário.

Relembre a “sensualidade” de Tiago Vargas no vídeo abaixo:

Entretanto, após conferir as provas on-line, o presidente da Câmara, vereador Carlos Augusto Borges (PSB), já tinha dito que mudaria o regime. “O que antes era só prevista uma advertência, agora o regramento será mais duro. Afinal, é um fato grave, que pode manchar a Câmara como um todo. Não estamos lá para dançar, mas sim lutar por melhorias ao povo campo-grandense”, justificou.

A nova resolução agora punirá com suspensão temporária do mandato.

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.