PF busca em MS responsáveis por tráfico interestadual de drogas sintéticas

tráfico
Arquivo/Agência Brasil

Após cinco meses de investigações, a Polícia Federal realizou hoje (25) a Operação Insônia contra o tráfico interestadual de drogas. Os agentes identificaram que um grupo criminoso enviou para vários estados brasileiros, mais de 500 encomendas postais contendo drogas popularmente conhecida como “ecstasy” ou “bala”.

A Vara de Entorpecentes de Campina Grande (PB) expediu 48 mandados de busca e apreensão em 13 estados, inclusive Mato Grosso do Sul, além de dois mandados de prisão temporária e um mandado de prisão preventiva na cidade de Uberlândia (MG).

Para mascarar o crime, os criminosos utilizaram nomes de empresas falsas, com falso e-commerce de bijuterias e de suplementos alimentares. Além disso, as investigações apontaram que a venda de drogas acontecia através de aplicativos de mensagens e tiveram como destinatários traficantes da cidade de Campina Grande e de diversas outras cidades do país.

Os investigados responderão pelos crimes de tráfico interestadual de drogas e associação para o tráfico, cujas penas máximas somadas ultrapassam 20 anos de reclusão. Acesse também: Senad apreende mais de 215 quilos de cocaína na fronteira

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *