Mais de 60 cidades de MS têm redução de até 80,9% na conta de água

(Foto: Agencia Brasil)
(Foto: Agencia Brasil)

Com a extinção da tarifa mínima de água anunciada hoje (1ª), a conta promete ficar mais barata em 68 cidades atendidas pela Sanesul (Empresa de Saneamento Básico de Mato Grosso do Sul). Segundo o estudo da Agems (Agência Estadual de Regulação de Serviços Públicos de Mato Grosso do Sul), comércios que recebiam uma conta de R$ 68,40 vão pagar apenas a taxa de ligação no valor de R$ 13,00, uma redução de 80,9%.

Para as famílias, a conta também têm redução no valor, saindo de R$ 53,00 para R$ 13,00, uma redução de 75,4%. Além da extinção da tarifa mínima de água, a tarifa média vai sofrer redução de 3,13%. Conforme a Sanesul, mais de 215 mil famílias e cerca de 40 mil comércios serão beneficiados com a decisão, que passa a valer a partir de 1º de janeiro de 2022.

A concessionária anunciou também a unificação da tarifa de esgoto em 50% para todos os municípios atendidos pela Sanesul, a empresa estima a redução nos valores das contas para 11.250 famílias, além do benefício da tarifa social continuar garantida para 12 mil casas que se encaixam nos requisitos.

Para o diretor-presidente da Sanesul, Walter Carneiro Junior, a nova metodologia das tarifas não compromete o equilíbrio financeiro da empresa e cabe à concessionária atender a determinação.

“É uma mudança de paradigma. Nós tínhamos 12 modalidades tarifárias vigentes em nosso Estado. A determinação da agência é de enquadrar em três. Ela traz no corpo essa determinação, novas regras de enquadramento da tarifa social e ela trouxe uma equação extinguindo a tarifa mínima, que era cobrada para todos os nossos usuários, criando o consumo por faixas”, finaliza.

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.