Corredor Gastronômico nas Moreninhas pode gerar mais de 600 empregos diretos

Ilustração do projeto: Assessoria
Ilustração do projeto: Assessoria

O Corredor Gastronômico, Turístico e Cultural da região das Moreninhas levará muitos benefícios para a região. A expectativa é gerar mais de 600 empregos diretos, além de indiretos. O valor estimado para a conclusão do projeto é de R$ 3 milhões, deste total, R$ 1,5 milhão já estão certos.

O projeto do vereador Júnior Coringa do PSD, já conta com R$ 500 mil de emenda parlamentar do deputado federal Fábio Trad (PSD), contudo os outros R$ 1 milhão a serem investidos foram vetados pelo Prefeito Marquinhos Trad (PSD).

Mas, a briga pela geração de empregos e renda na região das Moreninhas fez com que os vereadores da Câmara de Campo Grande derrubassem na última terça-feira (8), o veto do Poder Executivo. Os parlamentares mantiveram a emenda do vereador Coringa, para concluir as etapas restantes para a construção do Corredor Gastronômico, que ficará na Rua Barreiras.

“O Corredor Gastronômico é garantia de emprego e valorização da periferia. Por exemplo, nas Moreninhas, vários empreendimentos estão sendo vendidos para a construção de bares e restaurantes na rua que foi definida para o projeto ganhar vida”, disse o vereador Júnior Coringa.

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.