Capital descarta uso de drive-thrus na vacinação de crianças contra a COVID

covid vacinacao drive thru albano franco vacinacao covid campo grande
Foto: Denilson Secreta/Prefeitura de Campo Grande

Uma das estratégias que não deve ser utilizada na vacinação contra COVID de crianças entre 5 e 11 anos é o ponto de vacinação na modalidade drive-thru. A questão foi comentada neste sábado (15), durante lançamento da campanha de vacinação, o prefeito Marquinhos Trad e o secretário de Saúde, José Mauro, que fizeram ressalvas sobre a medida.

Os imunizantes não estão disponíveis nos drives da Capital por enquanto. Isso porque, conforme o prefeito explicou, existe a necessidade dos pais aguardarem pelo menos 20 minutos na unidade de saúde de Saúde após os filhos serem vacinados. A medida é uma cautela para o caso de haver alguma reação.

“Estamos vendo como aplicá-la em drive-thru. Nosso receio é que apliquem e o pai pegue o carro e vá embora”, comentou Marquinhos. “Não teve nenhum registro no mundo até agora de que ela tenha feito mal a alguma criança. Mas é uma cautela”, enfatizou.

Este também o motivo da dúvida para adesão da modalidade em Campo Grande. José Mauro explicou que o Centro de Convenções Albano Franco seria utilizado com uma estrutura para crianças, mas sem ser drive-thru.

“Estamos vendo a possibilidade no Albano Franco de uma montar a estrutura adequada, mas não será drive, será a pé, mas utilizando o espaço do Albano Franco”.

Vacinação no domingo

Conforme o secretário de Saúde, neste domingo (16), 15 unidades de saúde de Campo Grande vão abrir as portas para atender as crianças entre 5 e 11 anos. “A expectativa é que a gente consiga fazer a vacinação ainda hoje. Amanhã, as unidades abrem para terminar ou fazer apenas dos adultos”, explicou o titular da pasta.

(Com Geliel Oliveira)

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.