Adolescente mente estupro envolvendo motorista de aplicativo

estupro

No final de semana, a DEAM (Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher) atendeu uma adolescente, de 15 anos, quem denunciou ter sido estuprada dentro de um carro de aplicativo em campo Grande. Portanto, ela foi desmentida por meio de imagens gravadas por câmeras de segurança em relação à história que aconteceu na noite de sexta-feira (23).

De acordo com o boletim de ocorrência que fez no sábado (24), a adolescente pediu uma corrida para ir buscar uma pizza e, no meio da corrida, o motorista teria parado o carro e permitido que um homem entrasse no veículo. Foi quando ela alegou ter sido estuprada pelo estranho, além de ter recebido ameaças.

Depois da falsa acusação, o motorista de aplicativo contou a sua própria versão na delegacia, sendo liberado logo em seguida. Portanto, na segunda-feira (26), a menina foi até a DEPCA (Delegacia Especializada de Proteção à Criança e ao Adolescente) e contou que a história do estupro era mentira.

Os policiais investigaram a situação e concluiram que o caso se tratava de um falso testemunho da moça, que confessou ter saído naquela noite para visitar uma pessoa em um condomínio da Capital. Confira o vídeo da reportagem.

Segundo a delegada Marília de Brito Martins, titular da DEPCA, ”a adolescente se retratou devido às provas recém obtidas, que não traziam fundamentos para a versão do seu depoimento. Os fatos foram apresentados para ela, foi quando ela revelou que sua história do estupro era falsa. O teor do depoimento na respectiva delegacia é sigiloso, assim como outros detalhes da investigação.”

Em 2020, apenas na Capital de Mato Grosso do Sul foram registrados 2.143 boletins de ocorrência relacionados à violência e crimes cometidos contra crianças e adolescentes. Acesse também: Criança morre torturada pelos pais no final de semana

(Com informações do repórter Itamar Buzzatta) Estupro Estupro

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.