Mais de 760 voos cancelados no Japão

Japão
Divulgação

Foram cancelados mais de 760 voos com a confirmação da forte tempestade tropical Krosa pela Agência de Meteorologia do Japão que hoje (15) alerta sobre a mudança climática ter atingido as proximidades de Kure, cidade da província de Hiroshima, no oeste do país. A população foi advertida quanto a chuvas torrenciais, ventos e mar agitado.

Segundo funcionários da Agência de Meteorologia do Japão, a tempestade vai em direção ao norte a uma velocidade de 30 km por hora, gerando ventos muito fortes. Os ventos estão chegando a algumas partes das regiões de Shikoku, Chugoku e Kinki.

Precipitações pluviométricas nas 24 horas até o meio-dia de sexta-feira devem alcançar 500 milímetros em Shikoku e Kinki, e 400 em Tokai.

Já o volume total de chuvas pode exceder 1,2 mil milímetros em certas áreas. Há risco de deslizamento de terra nas províncias de Kochi, Ehime, Tokushima e Nara.

A tempestade tropical Krosa também deve levar ventos fortes até o lado banhado pelo Pacífico das regiões oeste e leste do Japão.

Voos

Os voos domésticos partiriam ontem (14). Foi cancelada a maioria dos voos entre o Aeroporto de Haneda e localidades da região oeste do Japão.

As empresas informam que poderão cancelar mais voos, dependendo da evolução da tempestade, e pedem aos viajantes que acompanhem as informações mais atualizadas.

Calor
O ar quente gerado por uma forte tempestade tropical fez com que uma onda de calor chegasse até áreas banhadas pelo Mar do Japão, com temperaturas especialmente altas na região de Hokuriku e no nordeste do país.

Em Tainai, cidade da província de Niigata, os termômetros marcaram hoje 40,7 graus Celsius. Já a cidade de Sanjo registrou 40 graus.

Na província de Yamagata, a temperatura chegou a 40,4 graus em Nezugaseki, distrito da cidade de Tsuruoka. Já em Shika, na província de Ishikawa, os termômetros atingiram 40,1 graus.

(Rafael Belo com assessoria)

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *