Polícia Federal destrói mais de 16,5 toneladas de entorpecentes em Ponta Porã

PRF
Divulgação/ PF

Nesta sexta-feira (8), em Ponta Porã – distante 316 quilômetros da Capital e divisa com o Paraguai – a PF (Polícia Federal) destruiu mais de 16,5 toneladas de drogas, que foram apreendidas entre os meses de agosto e outubro de 2021. Um comboio composto por policiais federais seguiu até o forno de uma usina em Dourados, escoltando os entorpecentes.

O número elevado de drogas são apreendidos em inúmeros flagrantes, provenientes de diversas forças policiais e da própria delegacia. O entorpecente recorrente é a maconha, no qual o país vizinho é um dos maiores produtores do mundo.

As apreensões são direcionadas à PF, desde que configurada a transnacionalidade ou interestadualidade do delito. Para a realização da queima são necessárias autorizações de diversos órgãos, como Justiça Federal, Justiça Estadual e Vigilância Sanitária, além de um planejamento logístico complexo.

Somente neste ano, a Polícia Federal em Ponta Porã incinerou aproximadamente 66 toneladas de drogas. (Com assessoria)

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *