Na Câmara, vereadores pedem o fim do toque de recolher em Corumbá

Arquivo/Ascom-Polícia Militar de Corumbá
Arquivo/Ascom-Polícia Militar de Corumbá

Os vereadores de Corumbá Luciano Costa, Ubiratan Canhete de Campos Filho e Alexandre Vasconcellos pediram na Câmara Municipal de Corumbá, para arevogação do decreto publicado ontem (20), do toque de recolher no perímetro urbano, das 2 às 5 horas da manhã.

Os vereadores justificaram que Corumbá está com seu programa de vacinação bastante avançado, com mais de 80% da população (público-alvo) vacinada, como também o fato de que os números da pandemia da COVID-19 estar em franco declínio.

“Não é somente Corumbá. A redução da incidência de casos e de óbitos da Covid está em queda em todo território brasileiro. Inúmeras cidades brasileiras estão flexibilizando as medidas de biossegurança e a continuidade do toque de recolher vem na contramão daquilo que vem sendo amplamente praticado”, pediram.

Os vereadores lembraram que o toque de recolher é “medida exceção, cerceadora de direitos e liberdades individuais, e deve ser usado com parcimônia e em caso de extrema necessidade”. Citaram como exemplo o Rio de Janeiro que, além de público em estádios de futebol, liberou cinemas e teatros, além de outros tipos de flexibilização.

Assessoria

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *