Hospital Regional é alvo de Ação Civil Pública

Sob acusação de irregularidades nos serviços de cardiologia, hemodinâmica e de biópsia, o Hospital Regional de Mato Grosso do Sul está sendo alvo de uma Ação Civil Pública.

A ação de autoria do Ministério Público do Estado de Mato Grosso do Sul, por meio da Promotora de Justiça Filomena Aparecida, titular da 32ª Promotoria de Justiça da Saúde Pública, sustenta que as falhas têm causado ausência de prestação de serviço, além da retenção de pacientes por meses na espera da cirurgia cardíaca.

Segundo informações do Ministério Público de Mato Grosso do Sul, a 32ª Promotoria de Justiça instaurou inquéritos civis para apurar as denúncias do não cumprimento dos serviços prestados pelo Hospital Regional.

Durante a ação civil pública, foram realizadas algumas tentativas administrativas para a regularização dos serviços, mas elas não foram resolvidas. (Jéssica Vitória com assessoria)

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.