Homem é detido por postagem racista em Brasilândia

A Polícia Civil cumpriu na tarde de sexta-feira (6), um mandado de busca e apreensão na residência de um morador da cidade de Brasilândia, a 400 quilômetros da Capital, apontado como autor de postagem racista numa rede social. O suspeito postou uma fotografia retratando uma luta entre dois macacos com o seguinte comentário: “Quando sobra uma vaga de cota”.

Segundo Perfil News, foi apreendido um computador, um telefone celular e um pen drive. O material será submetido a exame pericial para verificação da existência de imagens, mensagens ou qualquer tipo de menção de cunho racista ou de intolerância, o que deve “fechar” a apuração sobre o fato.

A Decradi (Delegacia de Crimes Raciais e Delitos de Intolerância) conseguiu obter os dados relacionados ao IP e titular da linha telefônica utilizada para acesso à internet. A partir dessas informações o caso foi repassado da Polícia Civil paulista para a Polícia Civil de Mato Grosso do Sul.

O suspeito foi conduzido para interrogatório e reconheceu a autoria da postagem, contudo, negou que tivesse cunho discriminatório, tratando-se, em sua visão, de mera crítica ao sistema de cotas universitárias. (João Fernandes)

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.