Estado deverá atingir no último bimestre a retomada econômica

Riedel rebate “O nosso foco é a vacina. Não é o momento de debater sobre passaporte de imunidade”

Secretário Riedel falou sobre avanço de programas do Retomada MS

Mato Grosso do Sul deverá atingir no último bimestre do ano sua retomada econômica, após uma ano e meio vivendo os efeitos negativos da pandemia da COVID-19. A previsão foi feita ontem pela manhã pelo secretário de Estado de Infraestrutura e Obras, Eduardo Riedel, durante live sobre o Prosseguir. Isso será possível, segundo ele, graças à vacinação da população contra a COVID no Estado, que atingiu níveis acima de 60%, e programas de retomada econômica elaborados pelo governo do Estado.

Entre os motivos para esta repaginada na economia está o pacote de ajuda Retomada MS, que prevê quase R$ 1 bilhão em recursos para auxílio econômico em diversas áreas. “No setor do Turismo foram 475 empresários cadastrados, microempreendedores MEI e 137 guias de turismo. Deste montante mais de 300 já receberam a primeira parcela”, salientou.

O secretário destacou que, na área do programa de ajuda na cultura, foram 1.738 inscrições, sendo 987 selecionadas. “Já o Mais Crédito que ajuda os empreendedores está finalizando credenciamento e análise e tem mais de 14 mil incrições para tomada de recursos”, adiantou, lembrando que a estimativa é de que em breve os recursos sejam liberados. Isenções Durante a live, o secretário Eduardo Riedel ainda destacou as ações de isenção de impostos para bares e restaurantes e de redução de ICMS de energia elétrica para mais de 1 milhão de sul-mato-grossenses.

O Mais Social também foi lembrado por ele, que afirmou que até o momento 32 mil familias já receberam o cartão com R$ 200. “Assim vamos apoiando a retomada da normalização da economia. Temos uma boa expectativa para 2022 e vamos encerrar 2021 com resultados acima do esperado diante do começo do ano. Estamos otimistas”, concluiu. (Texto: Rosana Siqueira)

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *