Fechamento de lojas no feriado divide opiniões

O feriado de Dia de Finados dividiu a opinião de trabalhadores de estabelecimentos comerciais do centro de Campo Grande. Estabelecido pela Lei Municipal Complementar n° 81, de 3 de janeiro de 2006, as empresas do comércio de Campo Grande não podem abrir as portas, somente supermercados e hipermercados.

Adelaido Vila, presidente da CDL (Câmara de Dirigentes Lojistas), alega que o momento implicará no orçamento mensal dos empresários. Contudo, chega em um bom momento, em razão das mudanças na rede elétrica da região central que implicariam um dia de fechamento.

Donos de estabelecimento do centro de Campo Grande foram entrevistados sobre o assunto, confira a matéria completa acessando o caderno de economia, na versão digital, da edição impressa do Jornal O Estado MS. (João Fernandes com Michelly Perez)

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.