Batalha de Bandas acontece sábado com público 100% vacinado

Reprodução/Facebook
Reprodução/Facebook

Em evento solidário, dez bandas se apresentam para júri de especialistas

Acontece hoje mais uma edição do Batalha de Bandas, maior festival de música autoral sul-mato-grossense. O evento, que teve uma pausa em 2020 por conta da pandemia, volta com tudo na edição 2021, desta vez com investimento do Governo do Estado de MS, por meio da Fundação de Cultura de MS (FIC-MS).

Desde sua primeira edição, em 2014, mais de 60 bandas sul-mato-grossenses passaram por seus palcos. Para o evento de sábado se apresentam as bandas A Insana Corte, Adulfe, Blackpool, Dovalle, Laboratório Gueto, NightFlyers, Projeto Kazulo, SoulRa, Versh e Vozmecê. Elas foram classificadas pelo comitê de avaliação e, agora, suas performances serão avaliadas por uma banca de jurados, formada por especialistas em música, em quatro quesitos: Composição, Performance, Execução e Letra.

A banda vencedora ganha a gravação de um DVD com quatro músicas, um ensaio fotográfico no dia da gravação do DVD, dez camisetas de merchandising da banda e uma consultoria de carreira. O segundo lugar e a banda escolhida pelo público levam a gravação de um single cada. Já o terceiro lugar, ganha um ensaio fotográfico. “Essa premiação proporciona às bandas vencedoras a oportunidade de terem um material próprio para o ingresso no mercado musical”, pontua Caio Dutra, produtor técnico do festival.

Durante a contagem dos votos, o público vai curtir o show da banda Arisen, de Corumbá, vencedora na edição de 2018.

Evento

O Batalha de Bandas acontece no Rota Acústica, a partir das 18 horas. A entrada é 1 quilo de alimento não perecível. “O evento é gratuito, mas é indispensável que essa contribuição seja feita. As doações serão entregues aos projetos Sopa Solidária e Grão de Mostarda, que servem refeições a pessoas em situação de vulnerabilidade na Capital e estão precisando muito dessa ajuda”, explica a produtora-executiva, Ana Ostapenko. A
expectativa é de arrecadar meia tonelada de alimentos.

Segundo Ana, as ações solidárias fazem parte do Batalha de Bandas. “Entramos em consenso e sempre seguimos essas entidades pelas redes sociais, e vemos as dificuldades que eles enfrentam pra conseguir doações, então decidimos ajudá-las com o que arrecadarmos; espero que seja uma boa quantidade pra ajudar o maior número de famílias possível.”

Além disso, o Batalha de Bandas será um evento destinado a um público 100% vacinado. É obrigatório apresentar na entrada o Documento Digital de Vacinação, que pode ser emitido pelo site da Prefeitura Municipal de Campo Grande pelo site. A organização do evento informa que só poderá entrar quem já tiver sido vacinado pelo menos com a primeira dose ou dose única.

O Batalha de Bandas traz uma novidade nesta edição, uma Tenda de Economia Criativa, com expositores vendendo sua produção. Estarão à venda roupas, acessórios, itens de decoração, doces e outros. Além disso, estarão no local alguns food trucks para matar a fome da galera durante as oito horas de evento, inclusive com opções vegetarianas.

A expectativa da organização é de que pelo menos 500 pessoas passem pelo evento. “Mesmo com os eventos liberados para 100% de lotação, nós optamos por liberar apenas 50%. O Rota é um espaço bastante amplo e nós queremos que todos se sintam seguros para curtirem o Batalha de Bandas ao máximo”, pontua Ostapenko. “As vibrações são as melhores possíveis e nesse novo momento, tomando todos os cuidados possíveis para que seja um bom evento para todo mundo”, finaliza a produtora-executiva.

Serviço

O Batalha de Bandas acontece hoje, às 18h, no Rota Acústica, que fica na Av. Des. Leão Neto do Carmo, 2121-2397 – Jardim Veraneio. Para mais informações sobre o Batalha de Bandas, basta acessar o link.

(Texto: Marcelo Rezende)

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *