Arte e resistência são temas em “Desassossego”

Arte na peça Dessossego

Abordando a resistência da arte em tempos de crise estreia a peça de dança “Desassossego”, no Teatro Glauce Rocha, às 20h deste sábado (3). O objetivo do projeto é acender a luz sobre situações de dificuldade, pouco investimento e desvalorização que o setor vem passando no Brasil.

O projeto foi construído pela Tez Companhia de Dança e tem como base a dança de salão. A intenção é inserir a dança no cotidiano das pessoas, por meio da ocupação dos espaços públicos.

A entrada é gratuita, porém os ingressos devem ser retirados na secretaria da CCE/PROECE, que fica localizada no prédio das pró-reitorias.

Sinopse: A situação de pouca valorização e pouco incentivo que a dança vêm recebendo em nosso País foi uma válvula propulsora para abordar o “desassossego” que nos faz sentir muitas vezes sufocados e de mãos atadas e que trazemos de forma abrangente incluindo situações pessoais e políticas, pois, acreditamos que falar sobre nossos incômodos é um caminho importante que se abre para mudanças e reflexões. Fonte: Tez Companhia de Dança.

 

Confira mais notícias no jornal impresso.

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.