Cufa lança na próxima semana o projeto “Mães da favela ON”

A Central Única das Favelas (Cufa) lança na próxima semana o projeto “Mães da Favela ON”. A iniciativa, resultado de uma parceria com a TIM Brasil, Alô Social e Comunidade Door, visa conectar os moradores das comunidades de todo o país. O lançamento ocorre na quinta-feira (24).

A ação irá disponibilizar 20 pontos de Wi-Fi livre em 150 favelas brasileiras e distribuir 500 mil chips para mães da comunidade. No Mato Grosso do Sul, é prevista a entrega de 4 mil chips. Os dispositivos serão distribuídos em Campo Grande, Corumbá, Dourados e Três Lagoas.

Conforme informações da Cufa, o cadastro dos chips poderá ser feito com as respectivas lideranças das comunidades alvo do projeto. Além disso também é estimado que os chips alcancem cerca de 5 mil territórios brasileiros.
O Mães da Favela ON é uma iniciativa que promove a conectividade das favelas no país e possibilita a democratização do acesso, possibilitando a reaproximação das pessoas da favela com a educação, o trabalho e a geração de renda.

Um dos fundadores da Cufa, Celso Athayde, comenta sobre o protagonismo da mulher na favela e a importância de existir projetos como o Mães da Favela ON. “Muita vezes a gente levava o feijão e ela não tinha dinheiro para poder comprar o gás, para poder cozinhar esse feijão, então a gente entendeu que era muito importante também a gente levar para essas mães uma coisa chamada autonomia e isso realmente tem feito muita diferença”.

Pesquisa do Instituto Data Favela mostra que 46% das crianças das comunidades que serão beneficiadas, e estão em idade escolar, não tem assistido as aulas durante a pandemia. Segundo o Instituto, 84% dos internautas de comunidades terminam o pacote de dados muito antes do programado.

(Com informações da assessoria da Cufa)

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *