26 fevereiro 2021, 8:02
Divulgação/governo do Estado

Folia de momo deve acontecer só em julho, segundo acordo entre entidades da Capital

A vacinação já começou em Mato Grosso do Sul, mas ainda não chegou para todos. Para não ocorrer a proliferação massiva do novo coronavírus, a Fundação de Cultura de Mato Grosso do Sul, em parceria com a Sectur (Secretaria Municipal de Cultura e Turismo) e a Liga das Escolas de Samba de Campo Grande (Lienca), adiou o carnaval 2021. 

O presidente da Liga das Escolas de Samba de Campo Grande (Lienca), Alan Coelho Catharinelli, contou que a conversa foi longa e vem sendo tratada desde o carnaval 2020. “Estamos desde o ano passado tratando do nosso carnaval. Estávamos estudando as datas do nosso carnaval. Juntamos a Liga das Escolas de Samba de Campo Grande, Fundação de Cultura e Sectur para no fim decidirmos adiar nosso carnaval”, confirmou Alan.

Na prática, os desfiles das escolas de samba não serão realizados nas datas de 15 e 16 de fevereiro. “É dessa forma que nós realizaremos nosso carnaval. A princípio tomamos a data do início de julho. Tudo foi decidido focando também em atenção a situação da pandemia”, explicou. Alan está confiante e alegre com a decisão, porém conta com a eficácia da vacina. “Estamos positivos, esperançosos, que a maioria, grande parte da população campo-grandense, esteja já imunizada, principalmente os grupos de riscos e, óbvio, a gente realizando nosso carnaval, realizaremos um desfile totalmente adaptado”, destacou.

A Fundação de Cultura distribuiu um release confirmado o cancelamento do evento e explicando os motivos. Além disso, coloca a situação como definitiva apenas se não houver melhora na crise da doença. Assim, em razão do fato de o carnaval ser uma festa que movimenta a economia do Estado e de que muitas pessoas dependem financeiramente da realização das festividades, o carnaval somente deixará de ser realizado, em último caso, se as condições de saúde da população decorrentes da pandemia não melhorarem e os decretos municipais não forem flexibilizados.

(Confira mais na página C3 da versão digital do jornal O Estado)

Veja Mais:

‘Nomalland’ é uma aposta e tanto para o Oscar 2021

Veja também

Prefeitura oferece aulas de muay thai, danças urbanas e diversas oficinas na região do Los Angeles

Para democratizar o acesso a esportes e atendimentos a jovens de bairros de Campo Grande, …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *