1 outubro 2020, 15:05

Explosão em Beirute deixou 110 mortos e 4 mil feridos

A grande explosão de terça-feira (04), em Beirute, provocou até o momento mais de 110 mortes e deixou outras 4 mil pessoas feridas. A tragédia que atingiu a capital do Líbano também deixou 300 mil desabrigados. Nesta quarta-feira (05), o país amanheceu em luto nacional decretado pelo ministro da saúde do país, Hamad Hasssan.

O governador Marwan Abboud, estima que os danos causados pela explosão podem chegar entre R$ 15 bilhões e R$ 23 bilhões, porém as autoridades ainda aguardam uma avaliação feita por especialistas e engenheiros.

Emocionado, Abboud comparou a destruição à causada pelas explosões nucleares em Hiroshima, 75 anos atrás. “A situação é apocalíptica. Beirute nunca viveu isso em sua história.”A mesma comparação foi evocada por outros sobreviventes que falaram à agência de notícias AFP.

“Parecia um tsunami, ou Hiroshima. Foi um verdadeiro inferno. Algo me atingiu na cabeça, e todos os objetos começaram a voar ao meu redor”, conta Elie Zakaria, morador do bairro de Mar Mikhail, famoso por seus bares noturnos e que se encontra voltado para o porto.

Segundo testemunhas, o estampido da explosão foi ouvido até na cidade costeira de Larnaca, no Chipre, a cerca de 200 km da costa libanesa.

(Texto: Jéssica Vitória com informações do Notícias ao Minuto)

Veja mais:

Bolsonaro diz que Brasil vai ajudar o povo libanês

Veja também

Aeroporto Santa Maria ganha sistema de iluminação em pistas

Murilo Zauith reiterou que primeiros passos da obra foram dados O aeroporto Santa Maria em …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *