15 dezembro 2019, 20:52
Crédito: Divulgação

Águas Guariroba celebra Dia da Consciência Negra com evento

Em comemoração ao Dia da Consciência Negra, o Comitê de Igualdade Racial da Águas Guariroba realiza na quarta-feira (20), às 14h na sede administrativa, o Fórum ‘Respeito dá o Tom’. O evento celebrará a atuação do Programa Respeito dá o Tom nas ações de igualdade racial promovendo uma roda de conversa sobre o racismo no ambiente corporativo do país, além de contar com apresentações culturais e exposições de arte da cultura afro.

O Fórum terá com a participação do CEO da Aegea Saneamento, Hamilton Amadeo, da Procuradora de Justiça, Jaceguara Dantas, do diretor regional de operações da Aegea, Joselio Alves Raymundo, do ex-CEO do grupo Bayer Brasil, Theo Van der Loo e do diretor presidente da Águas Guariroba, Themis de Oliveira, além de lideranças quilombolas e colaboradores.

“O Programa Respeito dá o Tom é uma iniciativa do grupo Aegea, que vem dando muitos bons resultados. Nesses dois anos conseguimos provocar diálogos sadios, mudanças de pensamentos, comportamento e empatia através das inúmeras ações realizadas pelos comitês locais e a nível institucional. É gratificante ver o envolvimento das pessoas. É um trabalho que está apenas começando e seguimos com a certeza de que contribuímos para um Brasil melhor.” destacou a coordenadora do Comitê de Igualdade Racial da Águas Guariroba, Keilla Patrícia Martins.

Programa Respeito dá o Tom

Lançado em setembro de 2017, o Respeito dá o Tom é um programa da Aegea e tem como objetivo a diminuição da desigualdade racial no mercado de trabalho. Para promover a equidade nas oportunidades de trabalho e o crescimento profissional de seus colaboradores, o programa está fundamentado em três pilares principais: empregabilidade, desenvolvimento e relacionamento.

A Aegea possui o selo “Sim à Igualdade Racial”, do ID_BR – Instituto Identidades do Brasil – uma organização sem fins lucrativos que atua na promoção de direitos humanos e na luta pela igualdade racial da população negra, através da inserção no mercado de trabalho. A certificação significa que a empresa se compromete em realizar ações afirmativas voltadas à equidade racial em suas unidades.

(Texto: Danilo Galvão com Assessoria/Material republicano às 17h04 de 19 de novembro)

Veja também

Detran-MS realiza mais de 300 mil atendimentos via telefone

Em um ano, o Departamento Estadual de Trânsito de Mato Grosso do Sul (Detran-MS) realizou …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *