26 fevereiro 2021, 17:57
Foto: Divulgação

Documentário regional narra história das “Promesseiras de Caacupê”

Religião, tradição, cultura e protagonismo feminino são algumas das temáticas que juntas dão vida ao documentário “Las promesseras”. A produção regional, que conta com recursos da Lei Aldir Blanc, apresenta  ao público a história das paraguaias devotas à santa de Caacupê. Dirigido por Mara Silvestre, o documentário estreia nesta quarta-feira (24), no Teatro de Arena “Astério da Conceição”, em Porto Murtinho (MS).

Mara Silvestre comenta que a inspiração para produzir o documentário ocorreu a partir da necessidade de perpetuar a trajetória das promesseras. “O que me motivou é justamente mostrar essa história singular, integracionista, porque eu sou apaixonada pelas almas humanas e em como isso se desenvolve. Eu senti a necessidade de registrar o festival do Toro Candil porque com o tempo isso está se perdendo, mas a fé delas à tradição das promesseras ainda é intensa, então eu quis fazer esse registro para levar esse conhecimento até as pessoas”, afirma.

A estreia do documentário também marca uma comemoração importante já que 24 de fevereiro é celebrado o Dia da Mulher Paraguaia. É no curta-metragem de Mara que o público tem a oportunidade de conhecer o papel importante que essas mulheres desempenharam e ainda desempenham para manter a preservação da cultura e costumes ancestrais do país. 

Dentre os costumes, está a tradicional festa do Toro Candil. Comemorada anualmente no dia oito de dezembro, a celebração é marcada por músicas, danças, teatro e a homenagem à Nossa Senhora de Caacupê, a padroeira do Paraguai e patrona de Porto Murtinho. “Las promesseras” traz esse cenário para narrar as histórias das devotas que começam os preparativos religiosos uma semana antes do Toro Candil.

Confira o vídeo:

Serviço

Mais informações sobre o documentário estão disponíveis no Facebook

Veja Mais:

Principais concursos públicos com inscrições abertas

Veja também

Milton Nascimento corta as tranças e muda de visual depois de 25 anos

Milton Nascimento, 78, surpreendeu os fãs no último fim de semana. O cantor e compositor …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *