26 fevereiro 2021, 3:31
Créditos: Thomas Peter

São Paulo deve pedir uso emergencial da CoronaVac hoje

Diante o anuncio na segunda-feira (04), o governo do Estado de São Paulo deve pedir autorização de uso emergencial da CoronaVac à Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária), nesta quinta-feira (07). Conforme for realizado o pedido, a Avisa tem 10 dias para emitir um parecer aprovando ou não o uso da vacina.

De acordo com a gestão de João Doria, a vacinação pode dar inicio no dia 25 de janeiro. Segundo o secretário de Saúde, Jean Gorinchteyn, a imunização irá ocorrer de segunda a sexta-feira, das 7h às 22h, e das 7h às 17h aos sábados, domingos e feriados.

O plano do governo paulista é de vacinar 9 milhões de pessoas no Estado durante o 1º ciclo de vacinação. Como a CoronaVac precisa ser oferecida em duas doses, com intervalo de duas semanas entre elas, serão utilizadas 18 milhões de doses para a etapa inicial –10,8 milhões já chegaram ao Brasil.

Além de idosos com mais de 60 anos, serão vacinados os profissionais de saúde, indígenas e quilombolas.

(Com informações: Poder360)

Veja também: Cantor Genival Lacerda morre aos 89 anos vítima da COVID-19

Veja também

Em condições favoráveis, vacina da Pfizer tem validade de 60 dias

A vacina contra covid-19 desenvolvida pela farmacêutica norte-americana Pfizer em parceria com a empresa de …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *