20 janeiro 2021, 16:51
PMCG

Prefeitura inicia novo programa “Reviva Mais Campo Grande”

A Prefeitura de Campo Grande lançou nesta sexta-feira (27) o maior programa de desenvolvimento e geração de emprego de Campo Grande, o “Reviva Mais Campo Grande”. São mais de R$ 1,3 bilhão de investimento em 55 obras e geração de mais de 24 mil empregos.

O programa ainda apresenta medidas de desburocratização de empreendimentos privados, incentivos fiscais e acesso ao microcrédito, além de programas sociais de apoio às famílias impactadas pela pandemia da Covid-19.

Infraestrutura

Na infraestrutura,  mais de 200 quilômetros de pavimentação e recapeamento. Receberão asfalto novo os bairros: Rita Viera; Parque Dalas; Oliveira; Nova Campo Grande (etapa A e B); Nova Lima (etapas B, C e D); Nasser (etapas A e B); Seminário (etapa A); Atlântico Sul (etapa C); Mata do Jacinto (etapa D;, Sírio Libanês e Vila Lídia; Jardim Centenário e Jardim Noroeste.

O recapeamento chegará a todas as regiões da cidade. A Avenida Duque de Caxias, entre o Aeroporto Internacional e o Núcleo Industrial de Campo Grande, será uma das contempladas. A Prefeitura também implantará vias estruturantes. Na Região do Imbirussu, um novo acesso possibilitará a ligação das regiões leste e oeste de Campo Grande.

Iluminação

A cidade ficará mais iluminada, com 100% de lâmpadas de LED na iluminação pública. Serão instaladas 70 mil novas lâmpadas, mais econômicas e mais duráveis. A região das Moreninhas, onde ocorre o lançamento do programa, será a primeira de Campo Grande com 100% de lâmpadas de LED.

Mobilidade

O transporte coletivo e a mobilidade urbana também ganharão investimento no Reviva Mais Campo Grande. A Prefeitura investirá no reordenamento viário em pontos de engarrafamento do trânsito. Os cruzamentos da Euller de Azevedo com a Tamandaré e Três Barras com a Marquês de Lavradio serão os primeiros a receberem intervenção.

A Prefeitura também investirá nos corredores do transporte coletivo, revitalizando a Rui Barbosa, Calógeras, Gury Marques e Marechal Deodoro. Os corredores garantem agilidade no transporte coletivo, que também será beneficiado com a reforma de todos os terminais de ônibus.

O sonho da casa própria será realidade para mais de 2 mil famílias em Campo Grande com a entrega dos residenciais: Jardim Mato Grosso, Laranjeiras, Sírio Libanês I, II e III; Canguru; Amando Tibana; Aero Rancho CH 007 e CH 008 e Residencial Inápolis. A Prefeitura também entregará moradias na região central, com a construção de residencial para 800 famílias.

Segurança

Na segurança pública, oito motocicletas, duas camionetes e uma van reforçarão a Guarda Municipal. Na saúde, a conclusão da construção das Unidades Básicas de Saúde da Família do Jardim das Perdizes, Jardim Presidente e Santa Emília.

Os pais também poderão contar com novas unidades de ensino com a conclusão das obras das EMEI’s Zé Pereira, Popular e Vila Nasser e escolas na Vila Nathália e no Parati.

Revitalizações

A Prefeitura investirá na revitalização de espaços públicos, com a revitalização da Lagoa Itatiaia, reforma do Ayrton Senna, Jaques da Luz, Sóter, Mata do Jacinto, Orla Morena, Horto Florestal, Elias Gadia, Centro Olímpico da Vila Nasser, Praça Aquidauana, Praça dos Imigrantes, Praça do Rádio Clube e Praça dos Arquitetos.

Campo Grande ganhará novos espaços para esporte e lazer com a conclusão do Parque de Esportes Radicais no antigo aterro de resíduos no Jardim Noroeste e Piscina Olímpica no Parque Ayrton Senna. Também serão reformadas as praças esportivas e campos de futebol no Jardim Felicidade, Jardim Centenário, Núcleo Industrial e Aero Rancho.

A antiga rodoviária, no Centro de Campo Grande, será revitalizada. A Cidade do Natal passará por intervenção e se tornará um espaço permanente para exposição, e o Corredor Gastronômico da Bom Pastor será revitalizado.

A Prefeitura também investirá no desenvolvimento econômico com a conclusão das obras do Terminal Intermodal de Cargas de Campo Grande; construção de pontes de concreto na Zona Rural; regularização do Polo Empresarial Sul para atender mais de 35 empreendimentos; criação do Distrito Industrial de Campo Grande e Distrito Agroindustrial de Anhanduí e Rochedinho.

Investimentos em tecnologia vão melhorar o acesso a internet e garantir agilidade e eficiência ao serviço público com a implantação de mais de 70 mil metros de rede de alta velocidade em fibra óptica, interligando todas as unidades administrativas municipais.

 

Veja também

Estado registra mais de mil casos da Covid-19 em 24 horas

Apesar do otimismo por conta do início da vacinação no Estado, o governador Reinaldo Azambuja …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *