5 dezembro 2020, 22:17
Reprodução/Internet

Prosseguir aponta que 13 municípios tiveram agravamento do quadro da covid-19

Programa de saúde e segurança da economia (Prosseguir) divulgou, nesta quinta-feira (19), um novo mapa com o grau de risco em relação a covid-19 nos 79 municípios. Com relação a semana anterior, 40 municípios mantiveram, 26 municípios melhoraram e 13 municípios pioraram o agravamento do quadro.

Os municípios que regrediram de bandeira foram: Aral Moreira, Bataguassu, Caracol, Coronel Sapucaia, Figueirão, Guia Lopes da Laguna, Itaporã, Jaraguari, Juti, São Gabriel, Selvíria, Sonora e Três Lagoas. A atualização é referente à 46ª semena epidemiológica do Prosseguir e repassa recomendações aos prefeitos que vale até o dia 5 de dezembro deste ano.

Para o secretário de Governo e Gestão Estratégica, Eduardo Côrrea Riedel, o aumento do número de casos requer atenção redobrada: “Infelizmente a pandemia está em elevação, novamente, em Mato Grosso do Sul. Em um único dia, nesta quarta-feira, tivemos 689 novos casos e hoje registramos 575. Temos que nos esforçar mais: os gestores municipais precisam seguir à risca as recomendações do Programa e a população evitar aglomerações e adotar as medidas de biossegurança, sob o risco de enfrentarmos uma segunda grande onda de contágio no Estado”, enfatizou.

Mapa Situacional

O mapa situacional das quatro macrorregiões de Saúde (Corumbá, Campo Grande, Três Lagoas e Dourados), referente à 46ª Semana Epidemiológica (de 08 a 04/11), apresenta 22 municípios na faixa de risco tolerável (amarela), 45 municípios no grau médio (bandeira laranja) e 12 no grau de risco alto (bandeira vermelha). Nenhuma cidade apresentou os graus de risco extremo (bandeira cinza) ou baixo (bandeira verde).

Para gerar essa classificação, o programa avalia indicadores municipais relacionados à disponibilidade de leitos de UTI, quantidade de Equipamentos de Proteção Individual (EPI’s), busca por contatos de casos confirmados, redução da mortalidade por Covid-19, disponibilidade de testes, incidência na população indígena, redução de casos entre profissionais da saúde, redução de novos casos, necessidade de expansão de leitos e situação de fronteira com país ou divisa com Estado que tenha aumento de casos.

Sobre o Prosseguir – Programa do Governo Estadual que classifica os municípios em faixas de cores, de acordo com o grau de risco que cada cidade apresenta (de baixo a extremo), traz recomendações de medidas no âmbito da Saúde Pública, de Serviços Públicos e do Social a fim de nortear agentes da sociedade, principalmente entes públicos, a tomarem suas decisões e tornarem suas ações mais eficientes no combate à propagação e aos impactos da Covid-19.

Confira o mapa:

Veja também

Energisa triplica equipes para solucionar falta de energia em bairros

Após a reclamação de vários moradores que ainda estão sem energia por conta do temporal …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *