26 outubro 2020, 3:19
Foto: Ilustrativa / Nilson Figueiredo

Com mais passageiros em pé, Consórcio promete agilidade

A Prefeitura de Campo Grande ampliou o número de passageiros que podem viajar em pé nos ônibus. Com a medida, o diretor-presidente do Consórcio Guaicurus, João Rezende, garantiu agilidade no transporte público. 

O decreto aumentando para 50% da capacidade foi publicado na quinta-feira (15), em edição extra do Diário Oficial de Campo Grande. Até então, o número máximo de pessoas nos veículos era de 30%, conforme o decreto do dia 25 de setembro. 

De acordo com Rezende, a capacidade máxima de cada ônibus é estabelecida pelo fabricante e este número está presente em todos os ônibus da frota. Ele afirmou também que a principal reclamação dos usuários era justamente o tempo nas filas esperando por uma vaga nos ônibus. 

“Com essa nova flexibilização, vamos dar agilidade no transporte porque vamos poder colocar mais usuários dentro dos ônibus e, com isso, diminuímos as filas de espera. Inclusive, ontem (16), as filas nos terminais já estavam menores”, avaliou. 

Conforme o Consórcio Guaicurus, o número de usuários do transporte coletivo diminuiu em 50% com a pandemia. Em média, nos dias úteis, são transportados 70 mil passageiros. Antes eram mais de 130 mil usuários. 

“Aos domingos, o número caiu muito mais, antes nós tínhamos 30 mil passageiros, hoje, quando temos 7 mil, é muito”, ressaltou o diretor- -presidente. 

Passe do estudante 

Além da mudança na capacidade máxima, o decreto também liberou o passe de estudante. Mas só vai ser liberado para alunos das escolas particulares, que terão as aulas presenciais do Ensino Médio retomadas na segunda- -feira (19). Para liberação, o colégio deverá protocolar junto ao Consórcio Guaicurus a relação dos alunos que utilizarão do cartão de gratuidade. 

E, assim como os idosos, que também tiveram os cartões liberados no dia 5 de outubro, os estudantes que precisam se deslocar após as 21h terão de se cadastrar na concessionária por meio do telefone (67) 3316-6600.

Veja também: Refis estadual foi prorrogado até dia 30 de dezembro

(Texto: Rafaela Alves)

Veja também

2ª etapa do Reviva Campo Grande ficam para novembro

As licitações para a segunda etapa das obras do Reviva Campo Grande terão editais abertos …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *