1 outubro 2020, 15:04

FCO libera mais de 600 milhões para produtores de MS

O Ministério do Desenvolvimento Regional, por meio do Fundo Constitucional de Financiamento do Centro-Oeste (FCO) disponibilizou R$ 623.528.332,18, para os produtores rurais de Mato Grosso do Sul de pequeno, médio e grande porte. O recurso é destinado para o investimento das propriedades em consonância com o Plano Safra 2020/21 que visa incentivar a produção sustentável.

Podem solicitar o crédito rural cooperativas, produtores rurais, pessoas físicas ou jurídicas e associações, cujos empreendimentos estejam localizados na região Centro-Oeste. Agricultores que se enquadrem no Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf) terão taxas de juros pré-fixadas entre 2,75% e 4% ao ano. Para pequenos (que estão fora do Pronaf) e médios a taxa de juros é de 4,98% e 5,38% a.a. respectivamente.  Os demais terão juros de 5,78% ao ano.

Segundo o vice-presidente da  Associação dos Produtores de Soja e Milho de Mato Grosso do Sul (Aprosoja/MS), Jorge Michelc, o FCO se tornou uma oportunidade aos agricultores. “São recursos consideráveis com juros mais adequados que outras linhas de crédito, que possibilitam o investimento da porteira para dentro. É a alternativa ideal para aqueles agricultores que estão com o caixa em dia, mas precisam avançar em questões sustentáveis ou na infraestrutura. O fundo possibilita inclusive melhorias na terra, ação fundamental para quem está se preparando para alcançar maiores produtividades”, esclarece Michelc.

(Texto: Jéssica Vitória com informações do Notícias Agrícolas)

Veja também

Mais de 300 lojas de Pedro Juan Caballero são reabertas

Manifestação que prometia mais de duas mil pessoas foi suspensa Sem resposta há mais de …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *