29 outubro 2020, 18:07
Instagram

Marinho sofre injúrias raciais de comentarista após expulsão

O atacante Marinho sofreu injúrias raciais após sua expulsão durante o jogo contra a Ponte Preta, que resultou na eliminação do Santos do Paulistão 2020. O autor do crime foi o comentarista Fabio Benedetti, da Rádio Energia 97.

“Você é burro, você está na senzala, você vai sair do grupo uma semana para pensar sobre o que você fez'”, disse Fabio Benedetti durante o intervalo da partida que aconteceu na última quinta-feira (30).

Na manhã de sexta (31), o atacante Marinho gravou um vídeo aos prantos. “Passo por isso na pele. A gente não pode deixar passar isso. É horrível”, disse ele. “Eu sei o que eu sou. Sei o valor que eu tenho. Eu brigo pela causa porque tenho voz. E isso só mostra que quem não tem voz passa por coisa pior. A gente tem aceitado muito ainda. Justiça não pune os preconceituosos, vermes. Mas Deus perdoa, cara. Fica em paz”.

Após a publicação de Marinho, o autor das injúrias racistas Fabio Benedetti publicou um vídeo como pedido de desculpas pelo crime em seu Instagram: “Venho através deste vídeo pedir minhas sinceras desculpas pelo comentário infeliz que fiz ontem referente ao jogador Marinho, na transmissão do jogo do Santos contra a Ponte”, escreve o comentarista.

“Quero reforçar que sou e sempre fui totalmente contrário à qualquer tipo de discriminação e lamento muito pelo ocorrido , em momento algum tive a intenção de ofender ninguém”, finaliza.

(Texto: IG Notícias)

Veja também

Mancini se irrita e promete mudanças no Corinthians

O técnico Vagner Mancini não escondeu sua irritação após a derrota do Corinthians para o …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *