13 julho 2020, 15:06
Foto: Cyro Clemente/Ovo Filmes

Autocine da UFMS retorna com medidas de biossegurança asseguradas

70 veículos lotaram o espaço do estacionamento ao lado do Morenão

O Autocine está de volta. Após 31 anos sem a sensação de assistir a um filme de dentro do próprio veículo, a Prefeitura de Campo Grande, por meio de sua Secretaria de Cultura e Turismo (Sectur), e em parceria com a Fundação de Cultura de Mato Grosso do Sul e Universidade Federal de MS (UFMS), retomou com sucesso o Autocine Campo Grande na noite de domingo (28).

Em tempos de pandemia, a retomada da nostálgica sessão de cinema foi a pensada para garantir uma oportunidade de entretenimento para as famílias campo-grandenses. Garantindo todas as medidas de biossegurança, como o distanciamento de dois metros entre os veículos, a lotação máxima dos carros e aferição, 70 veículos lotaram o espaço do Autocine, ao lado do estádio Morenão.

Cerca de R$ 100 mil foram investidos pelas instituições para reativar o local que estava, antes, abandonado. A vegetação que ocupava o espaço foi cortada, o gramado foi replantado e o telão recebeu camadas de tinta branca para melhor reproduzir o filme, tudo com o apoio da Secretaria Municipal de Infraestrutura e Serviços Públicos (Sisep).

O secretário municipal de Cultura e Turismo, Max Freitas, falou ao jornal O Estado da importância desse retorno. “A prioridade é resgatar aquele momento importante da década de 70 e 80 que aconteceu na UFMS, além de ser um ponto que queremos retomar como turístico, principalmente de entretenimento e cultural de Campo Grande”, explicou.

A população presente na sessão de estreia pôde garantir o combo completo pro o escurinho do cinema ficarperfeito comprando pipocas, refrigerantes, chips e até mesmo algodão-doce das associações beneficentes presentes no local.

(Confira mais na página C2 da versão digital do jornal O Estado)

Veja também

Protagonismo do povo surdo são assuntos do MS em Pesquisa

A comunidade surda vem ganhando presença na sociedade, em razão do protagonismo deles na busca …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *