31 maio 2020, 10:20
Crédito: Adam Gault/Getty Images

Dólar tem queda de 0,96%, mas se mantém no patamar de R$ 5

Em mais uma sessão o dólar defendeu a linha dos R$ 5, encerrando nesta quarta-feira (25) em queda de 0,96%. Já o principal índice da Bolsa Brasileira, o Ibovespa, finalizou em alta significativa de 7,5%.

Toda a expectativa se volta para a aprovação de um pacote de 2 trilhões de dólares em ajuda econômica a empresas e cidadãos norte-americanos. Já foi anunciado acordo entre o governo Trump e o Congresso dos EUA para dar passagem ao projeto. Mas ao longo da tarde a demora na aprovação pelo Senado e comentários de parlamentares de lá adicionaram alguma cautela.

A moeda norte-americana à vista fechou em queda de 0,96%, o que representa R$ 5,03 na venda, depois de na mínima do dia ser cotado a R$ 4,97. Na B3, o dólar futuro tinha baixa de 1,14%, a R$ 5,0440.

O Banco Central voltou a realizar leilões de câmbio nesta sessão, mas apenas para rolagem de linhas no valor de 3,3 bilhões de dólares.

O Ibovespa saltou 7,5%, a 74.955,57 pontos – na segunda alta seguida, o que não acontecia desde a virada do mês. O volume financeiro totalizou R$ 28,68 bilhões.

Senadores nos EUA votarão nesta quarta-feira um projeto de lei bipartidário que prevê a liberação de 2 trilhões de dólares para aliviar o impacto econômico do coronavírus, após acordo entre os principais assessores do presidente Donald Trump e senadores republicanos e democratas.

(Texto: Izabela Cavalcanti com informações do site Reuters)

Veja também

Acordo prevê máximo de 20 dias para análise de auxílio emergencial

Um acordo judicial estabeleceu o prazo máximo de 20 dias corridos para a análise de …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *