31 março 2020, 3:37
Crédito: Chico Ribeiro

Vice-governador cogita disputar por prefeitura

O vice-governador Murilo Zauith confirmou que o nome dele está no projeto do partido, onde poderá ser candidato na disputa à Prefeitura de Campo Grande. Para isso, ele tem de mudar seu domicílio eleitoral de Dourados para a Capital. “Faremos uma reunião agora no fim do mês de fevereiro e no início de março já teremos um nome do Partido. Toda executiva está empenhada para encaminhar o projeto em Campo Grande. Tem também o meu nome para termos como protagonista”, reforçou Murilo.

Para Zauith estar no Executivo de Campo Grande é uma oportunidade, ainda mais com dois ministros, Tereza Cristina (DEM), responsável pelo Ministério da Agricultura e Luiz Henrique Mandetta (DEM), no comando do Ministério da Saúde. “Os ministros e eu como vice-governador e secretário de MS, faremos uma ligação à Capital muito forte e ajudando ainda mais com a influência federal”, analisou e concluiu: “Com este protagonismo, vamos apresentar uma proposta para Campo Grande sob a nossa visão (Democratas) e provavelmente, no início de março teremos definido o nome do candidato”.

Líder do governo até o ano passado, o deputado estadual Barbosinha foi substituído por Gérson Claro (PP) este ano na liderança, destacou que o nome do vice-governador, Murilo Zauith (DEM), e também secretário de Estado de Infraestrutura, pode dar essa guinada da legenda para disputa da Capital. “Murilo já cogitou a transferência de título para Campo Grande”, afirmou Barbosinha.

Barbosinha ainda disse que o partido deve ser fortalecido com a vinda de outros parlamentares. “Estamos construindo um projeto muito forte. Estamos conversando com Renato Câmara (MDB), Marçal Filho e Geraldo Resende, ambos PSDB, empresário e da classe produtora. O vereador André Salineiro, por exemplo, é uma liderança política importante e passa a ser uma alternativa. Temos o Mandetta. Tivemos um protagonismo muito forte na reeleição do governador Reinaldo Azambuja (PSDB) e esperamos o princípio da reciprocidade”, concluiu.

Salineiro reforçou que está tudo encaminhado para a entrada dele no DEM, disse estar entrando só para somar mesmo, mas depende do partido.

(Texto: Rafael Belo/Publicação no site de Izabela Cavalcanti)

Veja também

MS vai usar cloroquina para tratar casos graves de Covid-19

Com solicitação feita pela Comissão de Controle de Infecção da unidade hospitalar, o Hospital Regional …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *