27 outubro 2020, 16:29
Foto: Reprodução/ Marcelo Camargo/Agência Brasil

Ministro confirma suspeita de coronavírus em Minas em Gerais

Segundo o ministro da Saúde, Henrique Mandetta uma paciente de Minas Gerais foi transferida para um hospital de referência no estado com suspeita de ter contraído o coronavírus. A mulher de 22 anos, que esteve na cidade chinesa de Wuhan, passa bem. A China já confirmou 106 mortes pela infecção. Mais de 4 mil pessoas tiveram o diagnóstico confirmado. Outros casos foram descobertos ao redor do mundo. Assista acima à entrevista do ministro na íntegra.

“O que muda é o grau de vigilância nessa fase. Aumenta a nossa vigilância de portos e aeroportos, triagem de pacientes, o uso de determinado equipamentos de proteção, mas o nosso foco principal nesta fase é a vigilância”, disse Mandetta em entrevista coletiva para falar sobre as medidas tomadas pelo governo para evitar a entrada do vírus no país.

A estudante brasileira esteve em viagem para a cidade de Wuhan no período de 29 de agosto de 2019 a 24 de janeiro deste ano. A paciente está em observação e, de acordo com o ministro, o estado dela é estável. Caso a infecção por coronavírus seja confirmada, o nível de alerta no país sobe para emergência de saúde pública nacional, quando há a possibilidade de o vírus já estar em circulação no país.

(Texto: Lyanny Yrigoyen com Agência Brasil)

Veja também

Inscrições abertas: concurso premiará melhores redações de inscritos no Enem

Estudantes do ensino médio de escolas públicas de todo o país podem participar A 45° …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *