30 setembro 2020, 11:32
Crédito: Divulgação

PF vai esclarecer se tragédia de Brumadinho foi intencional

Nesta quinta-feira (16), o delegado da Polícia Federal informou que a perícia irá concluir até junho deste ano de 2020, as investigações que poder apontar se o rompimento de uma barragem da mineradora Vale (VALE3.SA) em Brumadinho (MG), em janeiro do ano passado, será qualificada como homicídio doloso ou culposo.

A perícia tem como foco determinar o que levou à liquefação da barragem, tendo em vista a causa do desastre que deixou mais de 255 mortos, afirmou o delegado Luiz Augusto Nogueira em coletiva de imprensa Acompanhada pela Reuters, sobre o caso em Belo Horizonte, capital mineira.

“Não é possível falar ainda em homicídio doloso ou culposo… Isso tudo ainda está sendo apurado e só será definido no fim das investigações”, disse.

Uma morte é qualificada como homicídio doloso quando há intenção, enquanto crime culposo pode decorrer de negligência, imprudência ou imperícia.

(Texto: Karine Alencar)

Veja também

MS é o 2º Estado brasileiro que mais esclarece homicídios

Uma pesquisa divulgada pelo Instituto Sou da Paz, aponta que Mato Grosso do Sul é …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *