25 outubro 2020, 12:51
Reprodução/TV Morena

Professora morre após descarrilamento de trem no interior

A professora e coordenadora pedagógica da Apae (Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais), Élida Aparecida de Campos, 44, não resistiu aos ferimentos e faleceu após ter sofrido um acidente no final da tarde de quarta-feira (04). A vítima conduzia um Fox cinza, que foi arrastado por vagão de trem que descarrilou na avenida Gaturama com a Rui Barbosa, na entrada de Corumbá – 417 quilômetros da Capital.

Segundo Diário Corumbaense, a professora ficou presa nas ferragens e foi retirada, inconsciente, pela guarnição do Corpo de Bombeiros Militar. Ela foi levada para a Santa Casa de Corumbá e depois para o centro cirúrgico. Ela apresentava forte inchaço abdominal, suspeita de hemorragia interna, diversos cortes nos braços e não resistiu.

De acordo com as estatísticas do Corpo de Bombeiros Militar de Corumbá, foi o primeiro óbito em acidente ferroviário registrado este ano na cidade.

Descarrilamento

Vagões de cargas de um trem que fazia manobras entre os bairros Centro América e Previsul descarrilaram e provocaram várias situações de risco nas proximidades. No total, os vagões que deslizaram atingiram três carros e uma moto.

Os ocupantes dos outros veículos sofreram escoriações leves, segundo os bombeiros. A assessoria de imprensa da Rumo, concessionária da malha férrea, informou por meio de nota à imprensa, que os vagões são da Ferroviária Oriental, da Bolívia, que estavam em terminal de empresa privada para carregamento de cargas.

“Seis vagões da ferrovia boliviana se soltaram do terminal de transbordo de terceiros atingindo automóveis em uma passagem de nível. Os vagões estavam estacionados e não estavam atrelados a nenhum trem da concessionária. A empresa está  prestando apoio no atendimento e apurando as causas através de procedimento de investigação”, diz a nota. (João Fernandes com Diário Corumbaense)

Veja também

Homem invade casa, tenta estuprar jovem e vai preso

Policiais militares prenderam no final da tarde desta sexta-feira (23), um homem suspeito de tentar …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *