7 dezembro 2019, 14:41
Crédito: Shutterstock

Após 4 décadas, EUA legaliza assentamentos de israelenses

O governo dos Estados Unidos retirou a posição de que os assentamentos israelenses em território ocupado na Cisjordânia violam o direito internacional, algo que o país mantinha há quatro décadas e cuja mudança torna os esforços de paz na região ainda mais difíceis.

“O estabelecimento de assentamentos israelenses na Cisjordânia não é em si incompatível com o direito internacional”, disse o secretário de Estado dos EUA, Mike Pompeo, em entrevista coletiva.

O Departamento de Estado americano abandona assim um parecer jurídico que emitiu em 1978, durante o mandato do então presidente Jimmy Carter, declarando os assentamentos civis israelenses nos territórios palestinos ocupados como “incompatíveis com o direito internacional”.

(Texto: Karine Alencar com informações do Poder 360)

Veja também

Avião com passageiros brasileiros cai na Argentina

Um avião de pequeno porte caiu sobre uma casa na Argentina na noite de ontem …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *