17 fevereiro 2020, 20:48
Crédito: Portal do MS

Paratleta volta com bronze de Brasileiro de Powerlifiting

O paratleta do Estado, Jorge Souza de Arruda, retornou da Copa Brasil de Powerlifiting com uma medalha de bronze no peito. A competição aconteceu neste fim de semana, no Centro de Treinamento Paralímpico Brasileiro, em São Paulo (SP).

Jorge era o detentor do título na categoria 75kg a 80 kg, pela classe B2 (Baixa Visão). Desta vez ele ousou e representou Mato Grosso do Sul na categoria geral, ou seja, esteve ao lado de competidores de todos pesos e tamanhos. “Estou me sentindo satisfeito com o resultado, porque competi com atletas acima de 100kg e ainda fiquei em terceiro lugar”, fala.

Ele é o único representante ativo da modalidade no Estado. O ouro conquistado em 2018 foi histórico para Mato Grosso do Sul, por ser a primeira medalha obtida na modalidade por um paradesportista local. “Sem o esporte nós não temos qualidade de vida e para mim essa modalidade é tudo”, comenta o atleta.

Mesmo com toda representatividade, Jorge se divide entre os treinos e o trabalho fixo, já que está longe de sobreviver do esporte. Ele treina no início da manhã e às 8h entra na clínica onde atua como terapeuta holistico, fazendo ajustes articulares por meio da quiropraxia, técnica utilizada por atletas de diversas modalidades. “Não temos nenhuma ajuda de custo, tudo que vou fazer é por conta própria. A única coisa que ganho é a passagem da Fundesporte”, desabafa.

O atleta afirma que já deu início às preparações para 2020 e pede apoio para o próximo ano. “Peço a colaboração da população de Mato Grosso do Sul que quiser nos ajudar com algum tipo de patrocínio, será bem vindo”.

(Texto: Danielle Mugarte)

Veja também

Atlético-MG afasta mascote do clube por atitude machista

O Atlético-MG voltou a ter o seu nome envolvido em uma polêmica sobre machismo e …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *